Dicas para profissionais com dificuldade para se recolocar no mercado

Desemprego: como lidar com essa fase?

Pesquisa recente da Confederação Nacional da Indústria, revelou que o medo do desemprego cresceu 36,8% em 2015. A preocupação com o trabalho é compreensível já que, segundo estimativas, 9 milhões de brasileiros enfrentam atualmente essa realidade.

Aos profissionais que têm encontrado dificuldades para se recolocar no mercado, a consultora Fabiola Lencastre destaca a importância de manter a motivação, persistência e disciplina.

“Estar desempregado é estar trabalhando por uma oportunidade de emprego. As oportunidades acontecerão, mas precisamos estar mais atentos e dar muitos tiros na direção do objetivo! Cursos para se atualizar e networking são algumas das ferramentas que devem ser aliadas dessa busca”, comenta.

O tempo de recolocação aumentou e, embora a frustração possa fazer parte da caminhada de muitos profissionais, é preciso não desanimar. “Se encararmos o processo de seleção como um processo de aprendizado, e buscarmos feedbacks dos processos que participamos, sairemos mais fortes quando não tivermos êxito”, orienta a superintendente da Feeta RH.

Para Fabiola, é hora de manter-se motivado, contar com o apoio da família e manter bons hábitos de alimentação e atividade física, assim como os pensamentos positivos. A consultora lembra que estar desemprego também pode ser uma oportunidade para rever sonhos, avaliar carreira e se aprimorar.

“É uma boa oportunidade de olhar para fora e para dentro e buscar caminhos mais felizes, quem sabe. Grandes projetos nasceram de situações de caos e aparentemente sem saída. Use as circunstâncias a seu favor, mesmo que adversas. Sempre há tempo de buscar o plano “B””, motiva.